Banda de Cachoeira de Minas

 

 

5b

 

 

 

 

 

 

Bom dia!

Eu falei na minha biografia sobre minha primeira gig fora de casa, que foi com a Sociedade Musical Eduardo Tenório, a tradicional banda de Cachoeira de Minas. Pois é, tive a grata surpresa hoje de receber essas fotos, enviadas pelo Lauro de Itajubá, desse dia. A retreta em questão foi na casa do avô dele (que eu não me lembro do nome, me ajuda aí, Lauro) e eu sou o moleque da clarineta à direita. Eu pensava que tinha dez anos, mas pela data da foto eu tinha doze. Quase todos os meus amigos aparecem aí. Ô tempinho feliz!

Essas bandas são muito tradicionais em Minas, e a Sociedade Musical Eduardo Tenório já passou por muitos altos e baixos. Nesse momento existe um grupo de remanescentes dessa formação original, tentando manter a banda funcionando, mas sei que está num desses momento difíceis. Ia ser tão legal se as crianças ainda fossem estimuladas a fazer parte dessas bandas. É uma iniciação musical e tanto, toda escola deveria ter a sua. Aliás, quando eu estava na faculdade, no Rio de Janeiro, tive um professor, o Zé Maria Neves, que pesquisava essas bandas, e chegou a sugerir pra gente um trabalho sobre a pedagogia desses instrutores de bandas. Ele achava incrível como pessoas voluntárias, com uma formação elementar, às vezes nem isso, era capaz de por uma garotada pra tocar junto e bonito. Eu nunca me esqueci das lições do Zé Luís, leio partitura até hoje e aprendi lá. Obrigado Zé Luís e Carlos Gomes, meus primeiros mestres na música (Carlos Gomes não é aquele de famoso de Campinas, não, o nosso maestro lá em Cachoeira é Carlos Gomes também!).

Abraço procêis, até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Scroll Up